facebook

Paraná possui canais de denúncia de violações dos direitos da pessoa idosa

Junho é dedicado à promoção e garantia dos direitos da pessoa idosa. Governo do Paraná oferece canais para denúncias sigilosas de violações

13/06/2022

Paraná possui canais de denúncia de violações dos direitos da pessoa idosa

O mês de junho é marcado pela campanha Junho Violeta, dedicada ao combate à violação dos direitos da pessoa idosa. Desde 2006, a data de 15 de junho foi escolhida pela Rede Internacional de Prevenção ao Abuso de Idosos (Inpea) como o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa.

O Governo do Paraná, em parceria com o Conselho Estadual dos Direitos do Idoso (Cedi), promove diversas ações e campanhas para a garantia da proteção e dos direitos dessa população. Entre elas estão acesso a moradia, construção de centros de convivência, inclusão digital e investimentos em saúde dentro da estratégia de atendimento a esse público.

E dentre as ações está uma fundamental, coordenada pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf): o Disque Idoso Paraná. O serviço está disponível em todos os 399 municípios de forma gratuita e sigilosa. Pelo canal, além de denunciar atos que violem direitos da pessoa idosa, a população pode receber informações, orientações e dar sugestões para a melhoria de serviços públicos prestados às pessoas da terceira idade.

Segundo dados do Departamento da Política para Pessoa Idosa (DPPI), de janeiro a maio deste ano o serviço recebeu 861 denúncias, sendo 122 pelo canal telefônico 0800 141 00 01, e as 739 demais por vias eletrônicas, seja pelo disqueidoso@sejuf.pr.gov.brou pelo Idoso Play, plataforma de denúncias online que pode ser acessada via QR Code.

“O Governo do Estado está muito atendo à proteção dos idosos. O Disque Idoso é uma ferramenta essencial. Quem tiver informações ou flagrar situações de violação de direitos, agressões físicas ou psicológicas contra a pessoa idosa pode fazer denúncias de forma sigilosa que os casos serão apurados”, afirmou o secretário Rogério Carboni.

Além das denúncias, os canais receberam 112 pedidos de orientações e 185 de informações diversas relacionadas aos direitos da pessoa idosa. Outros canais também recebem denúncias de violência contra o idoso, como o 190, da Polícia Militar, o 181 Disque Denúncia e o 197, da Polícia Civil. Também é possível contatar o Conselho Estadual dos Direitos do Idoso, pelo telefone (41) 3210-2415.

População idosa

De acordo com levantamentos realizados pela Organização das Nações Unidas (ONU), o número de pessoas com mais de 60 anos supera 1 bilhão em todo mundo. No Brasil esse número se aproxima de 30 milhões e, segundo projeções, este volume deve atingir 75 milhões nos próximos anos.

Serviço:

Polícia Civil: 197

Polícia Militar: 190

Disque Denúncia: 181 ou www.181.pr.gov.br

Disque Idoso: 0800 141 00 01 ou disqueidoso@sejuf.pr.gov.br

Conselho Estadual dos Direitos do Idoso: (41) 3210-2415

Texto/Foto: Agência Estadual 

 

Comentários

Edição 1425 - Já nas bancas!
  • Direitos Autorais

    Textos, fotos, artes e vídeos do Jornal Hoje Centro Sul estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. É expressamente proibido a reprodução do conteúdo do jornal (eletrônico ou impresso) em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização expressa do Jornal Hoje Centro Sul.

  • Endereço e Contato

    Rua Nossa Senhora de Fátima, no 661
    Centro, Irati, PR - CEP 84500-000

    Tel: (42) 3422-2461

  • Pauta: jornalismohojecentrosul@gmail.com

    Expediente: de segunda à sexta das 8h às 17h

JORNAL HOJE CENTRO SUL - © 2020 Todos os Direitos Reservados
Jornalista Responsável: Letícia Torres / MTB 4580